top of page

Por que essa dor não passa?

Você sabia que a dor crônica afeta 20% da população mundial?

Você faz parte dessa estatística?

Os casos são bem variáveis, podendo ser simples e complexos e afetando ombros, coluna lombar, joelhos...

A dor crônica é caracterizada por ser uma dor com duração maior que 3 meses. Diferente da dor aguda (recente), que é um mecanismo de alerta, a dor crônica surge como uma alteração da percepção da dor! Muitas pessoas sentem dor por anos, mesmo sem existir mais um fator "causal".

Isso mesmo: quanto mais tempo a dor persiste no teu corpo, menos ela tem relação com o mecanismo de lesão e mais tem relação com as alterações do sistema nervoso! Não adianta chegar achando que tua dor na coluna foi de um mau jeito que você deu há 5 anos!


O fato é: Se você pudesse se livrar de suas dores, com certeza você seria uma pessoa bem mais feliz né? Realizar suas atividades normais, brincar com os filhos/netos, dormir uma noite inteira sem precisar recorrer a remédios... Se uma vida sem dor parece impossível para você agora... Que tal buscar entender a origem real do problema?

Por trás de uma dor "que não passa", pode existir uma longa história com diversos problemas psicossociais. A dor crônica é muitas vezes a ponta do inceberg de uma pessoa que tem muitos outros problemas além da dor.

Esses problemas podem estar relacionados a ansiedade, depressão, isolamento social, trauma físico ou emocional, alimentação inadequada, insônia, sedentarismo...Isso é o que mais vejo no meu consultório no Maurício de Nassau.

Por isso a tua dor precisa ser bem avaliada para que possamos entender o contexto geral e ter resultados efetivos e duradouros. É isso que venho conquistando com a OSTEOPATIA!


A osteopatia é uma terapia manual que visa tratar sempre o indivíduo como um todo, e que junto com mudanças no estilo de vida e acompanhamento multidisciplinar, vêm obtendo excelentes resultados!


Agende uma consulta (81) 9 9207 9999 e livre-se das dores.


1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page